Título do Livro: Ei! Tem alguém ai?
Autor (a): Jostein Gaarder
Editora: Companhia das Letrinhas
Número de Páginas: 127
Onde comprar: Buscapé
Nota: 

Sinopse: Essa é a história de um menino de oito anos que vai ganhar um irmãozinho. Enquanto espera os pais voltarem da maternidade, ele recebe a visita de Mika, uma espécie de pequeno príncipe que parece de outro planeta. Os dois são muito diferentes, mas são muito parecidos também. Passam 24 horas juntos e conversam sobre temas interessantes como a origem da vida, os princípios da evolução e a extinção dos dinossauros. Quando Mika vai embora e os pais voltam com o bebê, o irmão mais velho sabe de algum modo, que sua casa tem espaço para o novo habitante.


Livro resenhado no meu extinto blog: Livros de Cabeceira

Ei! Tem alguém, aí? É contado através de uma carta, onde Joakim já adulto escreve para sua sobrinha Camila com 8 anos que irá ganhar uma irmãozinho(a), na carta Joakim conta o que aconteceu com ele quando tinha a mesma idade dela e por coincidência foi na véspera de sua mãe dar a luz a uma criança. Na carta ele conta que naquele dia, ele avistou pendurado de cabeça pra baixo na arvore em seu quintal, um menino. O nome dele era Mika.
Ficaram juntos durante 24 horas inteiras, conversando e descobrindo coisas sobre a evolução da vida e sobre o planeta um do outro.

Ao terminar a leitura paro e penso: Foi um sonho? Acho que todo mundo que leu esse livro se perguntou isso.

É o primeiro livro do autor que leio e a escrita é tão singela, que me fez literalmente me perder na história. A capacidade de fazer com que eu refletisse sobre as coisas da vida, evolução, a criação, me fez lembrar a minha infância, onde eu ficava matutando isso, queria eu ter tido a chance de ler esse livro quando criança. O modo de refletir e viajar nesses assuntos quando somos criança é bem mais elevado e inocente, com certeza eu teria aproveitado mais a leitura. Não que eu não tenho gostado, eu amei o livro e se tivesse condições presentearia todas as pessoas com um exemplar do livro.

Outra coisa é o modo como o autor aborda a chegada de uma criança nova na família, ensinando ela a aceitar a vinda do bebê, é para ser como a Bíblia, toda casa deve ter um exemplar.

Um livro singelo e inocente que nos faz refletir sobre tudo, mas que recomendado.


Desculpe se eu não me expressei muito, mas o livro é tão só peço que quem tiver a oportunidade leia.


16 Comentários

  1. Oiii, tudo bem?
    Gente que vontade de ler esse livro, eu sou apaixonada por esse autor, e com toda certeza leria essa obra, achei um encanto e a história me surpreendeu de uma maneira convincente. Te entendo perfeitamente sobre como se sentiu escrevendo a resenha.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Que livro mais amorzinho. Gostei muito da premissa, especialmente porque eu adoro fazer a leitura desse tipo de livro. Espero ter a oportunidade de lê-lo também.
    Boas leituras para nós!
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Li esse livro há alguns anos atrás e confesso que na época o livro também me impressionou. A forma como o autor aborda temas cotidianos e a chegada de um novo membro na família é de fato surpreendente. Uma leitura bem fácil e agradável!
    http://colecionandoromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Pela sinopse já percebi que ele seria puro amor mesmo :)
    Não o li, mas se eu tiver a chance pode ter certeza que vou ler sim.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Nossa, sua resenha me encantou! Sempre tive vontade de ler um livro de Jostein Gaarder, mas ainda não tive oportunidade, acho que preciso começar por esse. Lendo sua resenha fiquei imaginando como seria a história e meu coraçãozinho já bateu mais forte!
    Amei a dica! <3
    Beijo

    ResponderExcluir
  6. Oie!
    Achei a resenha super bonita.
    O livro é muito fofo e fiquei morrendo de vontade de ler e concordo que deveria ter um exemplar nas casas.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  7. Oi Brubs, sua linda, tudo bem?
    Fiquei aqui imaginando essa conversa. O que pude perceber é que os temas abordados tinham justamente relação com a criança que iria nascer. Acho super importante os pais conversarem muito com o filho quando estão a espera de mais um, para não gerar ciúmes e competição entre eles. Parece ser muito fofo e lindo. Sua resenha ficou ótima!!! Dica mais do que anotada.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. AMO os livros do Jostein!
    Meu primeiro contato com a escrita dele foi com O Mundo de Sophia e de lá para cá, sempre que tenho oportunidade, leio algo dele.
    Esse eu já conhecia, mas ainda não li. Esses livros mais voltados para o público infantil são super gostosos de ler. Um dos meus preferidos é A Garota das Laranjas. É lindo e a cada releitura me encanto ainda mais. <3
    Pretendo ler Ei! Tem Alguém Aí? em breve, Se conseguir, quero ler para os meus alunos. Eles amaram Eu me Pergunto... e O Vendedor de Histórias. Imagino que vão amar esse também.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Olá! Gostei da premissa da livro... Fiquei curiosa para saber se é um sonho ou não, mas só lendo para tentar tirar minhas conclusões.
    Apesar de o jeito de livro infantil ele deve trazer boas mensagens para os adultos também. A capa é muito fofa.
    Beijos
    Estilhaçando Livros
    Tem sorteio no Cantar em Verso valendo box dos Jogos Vorazes.

    ResponderExcluir
  10. Olá,
    nossa que obra linda! Deve ser emocionante sua leitura. Eu não li nenhuma obra desse autor, mas eu adorei a premissa e vou colocá-lo na minha lista de leituras.
    Parabéns pela resenha.
    Beijos,
    Denise

    ResponderExcluir
  11. Oi Bru!
    Ainda não li nada da autora, mas tenho esse em ebook e quem sabe logo tenho oportunidade de ler.
    Adorei sua resenha e me deixou bem curiosa com a leitura.

    Beijos
    http://aventurandosenoslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Olá, tudo bem??
    Eu ainda não tinha ouvido falar desse autor e gostei muito da resenha e da premissa do livro, com certeza vou colocar na minha listinha de desejados!!
    Beijus
    www.bibliotecaempoeirada.com.br

    ResponderExcluir
  13. Ah bacana, um livro curtinho, mas com uma mensagem linda e grandiosa, gostei, adoro leituras assim, que são ao mesmo tempo simples, mas profundas, com muito a oferecer! É a primeira vez que vejo esse livro, mas fiquei encantada pelo enredo, espero sim poder ter a chance de ler um dia e me envolver bastante. Enfim, Ei tem alguém ai, me agradou demais, já estou ansiosa para ter um exemplar do livro na estante!

    Da Imaginação à Escrita

    ResponderExcluir
  14. Ooi Brubs, tudo bem?

    Não conhecia o livro, acredita?!
    Realmente parece ser muito, como você diz, ❤❤❤. hahah
    Sua resenha até me deu uma vontade de lê-lo. Espero ter a oportunidade.

    Beijoos
    http://estantemineira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Não entendi muito bem, eu acho. O livro se trata sobre a chegada de um bebê então? E nisso tem um moleque surgido do nada? kkkkk Se você gostou tanto deve valer a pena.

    ResponderExcluir
  16. Que ensinamento maravilhoso que é a proposta do autor de passar para a criança como é a chegada de outra pessoinha a este mundo. Um livro singelo que nos faz refletir, isso é muito legal e ainda podemos usar para contar história para as crianças, adoro isso.

    Bjo
    Tânia Bueno
    www.facesdaleitura.com.br

    ResponderExcluir

Agradeço desde já sua visita, adoraria saber sua opinião, critica, elogio, sugestão.
Ah deixe seu link que assim que possível retribuo a visita e o comentário.
Alguma dúvida enviar o e-mail para mari.blogstoriesandavice@gmail.com.
Beijo Mari ♥